4 Tipos de Meditação

meditação-e-gratidão-2.jpg

“Mindfulness” ou “Atenção Plena” é um conceito amplo – “estar no momento presente, sem julgamentos” – e pode ser cultivado de várias maneiras. Mas será que existe uma forma de meditar que seja melhor para você? Mais apropriado para sua personalidade e para os problemas que você enfrenta?

Um estudo alemão recrutou meditadores iniciantes para participar de um treinamento de 9 meses de Mindfulness, onde eles aprenderam 4 tipos diferentes de meditação:

  • meditação de respiração: observar sua respiração, sem tentar altera-lá;
  • “body scan”: uma espécie de checagem corporal, onde você percebe cada parte do seu corpo;
  • meditação “loving-kindness”: repetição de frases, lembrar de situações e imagens que despertam estados como paz e segurança;
  •  meditação da observação do pensamento: observar os pensamentos e identificar que tipo de pensamento você costuma ter, sem críticas e julgamentos.

Ao final do estudo, os pesquisadores encontraram alguns benefícios comuns: em todos os tipos de meditação, os participantes relataram sentir emoções mais positivas, mais energia, sentiram-se mais focados no presente e menos distraídos pelos seus pensamentos do que antes do início do treinamento. Os resultados confirmam que isso é comum a toda a meditação.

Mas as semelhanças terminaram por aí! Durante o “body scan”, os participantes vivenciaram maior consciência de suas sensações corporais (como era esperado) e um declínio mais acentuado no número de pensamentos que os invadiam, especialmente pensamentos negativos relacionados ao passado e ao futuro. A meditação “loving-kindness” aumentou os sentimentos de afago e pensamentos positivos pelas outras pessoas. Enquanto isso, a meditação da observação do pensamento pareceu aumentar a consciência dos participantes em seus pensamentos.

Segundo o pesquisadora Bethany Kok, o tipo de meditação que você escolhe praticar influencia nos resultados específicos. Cada prática parece criar um ambiente mental distinto, cujas consequências a longo prazo estão apenas começando a ser exploradas. Graças a pesquisas como essa, a prática milenar da meditação tem firmado sua posição como uma excelente técnica de redução do estresse e outras formas de ansiedade, mostrando evidencias cientificas robustas.

Texto da página Oficina de Psicologia, com alterações feitas por mim.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s